Category: Métricas

Valor do Ponto de Função

Valor do Ponto de Função

Unidades de Medida e Composição de Preço do Software

Precificar um produto ou serviço é uma tarefa relativamente simples.

Basicamente, trata-se de somar custos de produção + impostos + margem de lucro e o valor final é o preço a ser cobrado pelo produto ou serviço.
(more…)

Análise por Pontos de Função – Qualidade nas Estimativas

Qualidade nas Estimativas

Dimensionamento – dando tamanho ao software

Em projetos de software existem várias formas de se mensurar o “tamanho” do que será implementado.

Existe a velha (e muitas das vezes boa) opinião de especialista, que baseia-se na opinião de profissionais envolvidos, UCP – os Pontos por Caso de Uso (muito pouco utilizada),  Planning Poker – uma técnica mais utilizada em projetos ágeis, Estimativas de Três Pontos – mais focada no prazo do projeto, várias outras e FPA (ou APF) – Análise por Pontos de Função, muito utilizada em projetos de software (geralmente em projetos que rodam ciclos mais “tradicionais”, mas aplicável também a projetos ágeis).
(more…)

O problema da descoberta do escopo – O Cone da Incerteza

Cone da Incerteza - Projetos de SoftwareVocê já percebeu que em projetos as mudanças no escopo de um sistema param de acontecer somente quando o sistema está concluído?

Isso é óbvio, eu sei. Mas o ideal seria que o projeto não precisasse acabar para que as mudanças parassem de ocorrer.

Mas em projetos de software a realidade não permite isso. Vamos entender a razão deste fato.

Cone da Incerteza e Refinamento Contínuo

Desenvolvimento de software é um processo de refinamento contínuo, e isto dificulta demais a realização de um planejamento mais acurado no inicio de um projeto desta natureza.

Em projetos de software tudo começa com um escopo muito macro, que vai sendo decomposto em requisitos, e que depois, é refinado em outros modelos (modelos de comportamento [caso de uso, estória de usuário], modelos de estrutura [estruturas de classes, banco de dados etc.]), até que o projeto acabe.

Então, torna-se praticamente impossível, nas fases iniciais do projeto, descobrir tudo que tem que ser feito, pois no início do projeto (ou demanda, para sistemas em manutenção) o escopo é superficial, e só com o avanço no ciclo de vida do projeto as coisas vão ficando mais claras, pois vão sendo detalhadas.

Lembrando que isso se aplica a qualquer tipo de projeto de software: sistemas corporativos, websites, aplicativos mobile, e até mesmo jogos.

(more…)