O papel do Analista de Requisitos na agilidade

Analista de Requisitos + Agilidade = Product Onwer? Ou não?

Compartilhe!

O Analista de Requisitos (ou Analista de Negócios) é um profissional presente em toda empresa que produz software (produz como atividade fim ou atividade meio).

Para se produzir software, inevitavelmente, alguém precisa entender as necessidades e traduzi-las para que alguém materialize isso em software executável, para pessoas usarem as funcionalidades.

Analista de Requisitos na agilidade

Com a expansão da cultura ágil, da agilidade, como fica o Analista de Requisitos na agilidade?

O Product Owner substitui naturalmente o Analista de Requisitos?

Product Owner e Analista de Requisitos são a mesma coisa com nomes diferentes?

Vamos ver um pouco sobre isso nesse post, lembrando que os detalhes é que fazem a diferença! 😉

Agilidade nas empresas

A imagem abaixo é o consolidado de uma das respostas da pesquisa sobre agilidade nas empresas que fizemos com nossos leitores, ha algumas semanas.

Analista de Requisitos na agilidade

Considerando o mercado, penso que o resultado ilustrado na imagem é muito aderente ao momento atual (2019/2020).

A maioria das empresas está experimentando agilidade, algumas poucas com maturidade nisso, mas a maioria já está olhando para essa nova forma de pensar.

Nesse sentido, com o novo jeito de pensar (voltado para agilidade) é natural que haja uma readequação de estruturas organizacionais, com novas posições surgindo, posições existentes sofrendo alterações etc.

Um dos profissionais que são impactados com essas mudanças é o profissional de requisitos, conhecido como Analista de Requisitos, Analista de Negócios, Engenheiro de Requisitos etc.

Principais atribuições de um Analista de Requisitos

De forma geral, podemos entender que as principais atribuições (ou atribuições mais comuns) de um Analista de Requisitos são:

  • Levantar necessidades do negócio
  • Traduzir essas necessidades em requisitos
  • Priorizar os requisitos
  • Planejar as entregas das funcionalidades e requisitos
  • Repassar os requisitos para equipe de desenvolvimento
  • Acompanhar o desenvolvimento
  • Validar o software entregue para garantir aderência do escopo aos requisitos
  • Treinar a equipe que utilizará o software desenvolvido
  • Ser a fonte de informação “viva” sobre o sistema

O Analista de Requisitos é focado na entrega (não no valor), ou seja, trabalha para garantir que a equipe de desenvolvimento entregue o que foi pedido (foca no “como”) sem se preocupar com o valor gerado com a entrega (foco no “o que”), necessariamente.

Principais atribuições de um Product Owner

De forma geral, podemos entender que as principais atribuições (ou atribuições mais comuns) de um Product Owner são:

  • Levantar necessidades do negócio
  • Traduzir essas necessidades em requisitos
  • Priorizar os requisitos
  • Planejar as entregas das funcionalidades e requisitos
  • Repassar os requisitos para equipe de desenvolvimento
  • Acompanhar o desenvolvimento
  • Validar o software entregue para garantir aderência do escopo aos requisitos
  • Treinar a equipe que utilizará o software desenvolvido
  • Ser a fonte de informação “viva” sobre o sistema
Tudo que um Analista de Requisitos faz, um Product Owner também faz! 🙂

Um fator que muda tudo: o Product Owner é focado no valor(não na entrega), ou seja, trabalha para garantir que a equipe de desenvolvimento entregue o valor esperado (foca no “o que”), sem se preocupar com os detalhes da entrega (não foca no “como”), necessariamente.

Analista de Requisitos na agilidade

Um Analista de Requisitos “Dono do Produto” e Estratégico

O PO (Product Owner) possui as mesmas atribuições de um Analista de Requisitos, mas não fica apenas nisso.

Ele é empoderado para ir além, para ser o profissional realmente dono do produto, e não apenas o profissional que entende a necessidade do negócio e repassa para os desenvolvedores implementarem.

Dono do Produto = Ter autonomia para definir o escopo que achar necessário para garantir o resultado, ativando o valor esperado quando o requisito entrar em produção

Ainda, não é o dono do “como”, podendo inclusive delegar para a equipe de desenvolvimento o detalhamento dos requisitos das features que ele define.

Product Owner é o caminho natural para o Analista de Requisitos? Talvez sim, talvez não…

Na minha opinião, é uma opção de caminho muito viável, por razões óbvias.

Mas acho que não deve ser regra, não pode ser um “de-para”.

Considerando carreiras em agilidade, um Analista de Requisitos também pode ir para a carreira de Scrum Master se o perfil do profissional for mais de liderança, ou para a carreira de Product Manager, se for um profissional com perfil mais voltado para o negócio e com boa senioridade em produtos e sistemas.

Ficou com dúvidas ou quer dar sua opinião, fique à vontade para participar nos comentários!

Engenharia de Software